segunda-feira, 22 de dezembro de 2008




1 comentário:

Ricardo Matias disse...

Graças a esta fotografia, consegui perceber como funcionava a estranha protecção da peça de artilharia destes submarinos.
Já agora, duas destas peças encontram-se à entrada do edifício da esquadrilha de submarinos na Base do Alfeite.

Ricardo Matias